Notícias

Empossado oficialmente no dia 16 de julho como o novo Professor Titular do Departamento de Cardiopneumologia da FMUSP, o Prof. Rogerio de Souza recebeu as vestes talares do rito acadêmico na cerimônia solene realizada no dia 7 de agosto, no Teatro da FMUSP.

A mesa cerimonial foi composta pelo Prof. Roger Chammas, vice-diretor da FMUSP; Prof. Carlos Roberto Ribeiro de Carvalho, Titular do Departamento de Cardiopneumologia da FMUSP; Prof. Paulo Hilário do Nascimento Saldiva, diretor do Instituto de Estudos Avançados (IEA) da USP e Titular do Departamento de Patologia da FMUSP; Prof. Roberto Kalil Filho, presidente do Conselho Diretor do Instituto do Coração do HCFMUSP e Prof. Fábio Biscegli Jatene, vice-presidente do Conselho Diretor do Instituto do coração do Instituto do Coração do HCFMUSP.

O Padrinho do novo Titular foi o Prof. Carlos Roberto Ribeiro de Carvalho, que vestiu o capelo e a samarra no Prof. Rogerio de Souza.

As vestes talares são formadas por três peças básicas. Além da beca preta, a samarra e o capelo, usados sobre a cabeça, ambos na cor verde. A tradição definiu uma cor para cada área do conhecimento, sendo verde a cor das Ciências da Saúde. A samarra é constituída por uma túnica, pendente dos ombros até a altura do cotovelo. Em geral, esta peça é somente usada por Reitores; na USP, é também usada pelos Professores Titulares. O capelo representa o poder temporal, uma analogia à coroa real.