Medicina USP


USP

Assistência à Saúde

O Sistema HCFMUSP, o mais antigo sistema de saúde universitário brasileiro, reúne ensino, pesquisa e atendimento gratuito à população. Pioneiro no país, foi idealizado quando da criação da Faculdade de Medicina e Cirurgia de São Paulo (hoje Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), em 1912, e reorganizado mais tarde, com o apoio da Fundação Rockfeller e com a implantação, em 1944, de um hospital vinculado à faculdade.

Desde então, o sistema não parou mais de crescer e hoje é o maior do país. Seu principal objetivo é oferecer ensino, pesquisa e atividades de cultura e extensão, com ênfase na multidisciplinaridade e na multi-institucionalidade.

Com foco na realidade brasileira, o Sistema HCFMUSP vem contribuindo para o desenvolvimento do conhecimento técnico-científico no Brasil, inserindo-o entre as sociedades de referência em educação, pesquisa e assistência à saúde.

Integram-no, além da Faculdade de Medicina, institutos especializados no atendimento de alta complexidade (atenção terciária/ quaternária), hospital de média complexidade (atenção secundária), hospitais auxiliares, unidades especializadas no atendimento integral de pacientes portadores de HIV/AIDS, Centro de Saúde Escola, Unidades Básicas de Saúde (atenção primária), Laboratórios de Investigação Médica (LIMs) e fundações de apoio.

Atenção primária

A atenção primária à saúde é feita em duas frentes. Uma é o Centro de Saúde Escola Butantã (CSEB), unidade docente e assistencial que atende desde 1977 a população do bairro do Butantã, na capital de São Paulo, sob a responsabilidade dos Departamentos de Medicina Preventiva, Pediatria, Clínica Médica e Fofito (Fonoaudiologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional) da FMUSP. A outra é o Projeto Região Oeste, plataforma de ensino, pesquisa e extensão criada em 2008. Oferece atenção integral à saúde dos moradores da região Oeste da cidade de São Paulo.

Centro de Saúde Escola Butantã - CSEB

O Centro de Saúde Escola Samuel Barnsley Pessoa (CSEB) é uma unidade docente-assistencial da Faculdade de Medicina da USP, sob a responsabilidade dos Departamentos de Medicina Preventiva, Pediatria, Clínica Médica e FOFITO (Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional), voltado à população do Butantã.

Para mais informações, acesse http://www.fm.usp.br/cseb .

Projeto Região Oeste

O Projeto Região Oeste foi estabelecido por meio de contrato de gestão firmado entre a Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo e a Fundação Faculdade de Medicina, juntamente com a FMUSP, e trata-se de uma parceria no gerenciamento das ações e serviços de saúde na região oeste do município. Seu objetivo é o desenvolvimento de uma plataforma de ensino, pesquisa e extensão, conciliando as atividades acadêmicas e assistenciais na região.

Para mais informações, acesse http://pro.fm.usp.br/ .

Atenção secundária

Esse setor é coberto pelo Hospital Universitário (HU), inaugurado em 1981 dentro da Cidade Universitária. Trata-se do primeiro hospital-escola comunitário dedicado à graduação em Medicina, Ciências Farmacêuticas, Odontologia, Nutrição, Enfermagem, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional e Psicologia. Sua atuação é voltada às áreas gerais, como Clínica Médica, Cirurgia, Obstetrícia e Ginecologia, Ortopedia e Pediatria. O HU tem se destacado em estudos epidemiológicos e em várias pesquisas inéditas que determinaram o perfil dos agentes microbianos associados às doenças diarreicas e respiratórias.

Hospital Universitário

Primeiro hospital-escola de caráter comunitário dedicado à graduação em Medicina, Ciências Farmacêuticas, Odontologia, Nutrição, Enfermagem, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional e Psicologia. O HU tem ação destacada na integração entre atenção primária e terciária.

Para mais informações, acesse http://www2.hu.usp.br/ .

Atenção terciária/ quaternária

Essa área é constituída pelo Complexo Hospital das Clínicas, um dos principais centros brasileiros de produção e difusão de conhecimento técnico-científico e centro de excelência em ensino, pesquisa e assistência à saúde da população. O complexo é formado por oito institutos (Instituto do Câncer, Instituto Central, Instituto do Coração, Instituto da Criança, Instituto de Medicina Física e Reabilitação, Instituto de Ortopedia e Traumatologia, Instituto de Psiquiatria e Instituto de Radiologia), dois hospitais auxiliares (Cotoxó e Suzano), Laboratórios de Investigação Médica, unidades especializadas e áreas de apoio, além da Escola de Educação Permanente.

Instituto do Câncer (ICESP)

O Instituto do Câncer foi criado em 2008 com o intuito de produzir conhecimento científico e prestar assistência médico-hospitalar de acordo com os princípios definidos pelo Sistema Único de Saúde.

Para mais informações, acesse http://www.icesp.org.br/ .

Instituto Central (IC)

Inaugurado em 1944, foi o primeiro prédio a ser construído e onde está a maioria das especialidades de clínicas médicas e cirúrgicas. Engloba também Unidade de Emergência Referenciada, que presta atendimento aos casos de alta complexidade, o Prédio dos Ambulatórios (PAMB), que oferece tratamento a pacientes ambulatoriais e no qual encontram-se o maior centro cirúrgico e a Divisão de Laboratório Central, primeiro laboratório do serviço público do Brasil a receber o certificado ISO 9002.

Para mais informações, acesse http://www.ichc.hcnet.usp.br/ .

Instituto do Coração (InCor)

Um dos três maiores centros cardiológicos do mundo em volume de atendimento e em número de subespecialidades da cardiologia e da pneumologia, o Instituto do Coração foi oficializado em 1963, mas sua concepção como um centro de excelência no ensino, pesquisa e assistência em cardiologia, pneumologia e cirurgias cardíaca e torácica, no entanto, data da década de 50.

Para mais informações, acesse http://www.incor.usp.br/sites/webincor.15/ .

Instituto da Criança (ICr)

O Instituto da Criança, inaugurado em 1976, foi preparado para atender doenças de alta complexidade. Em quase 40 anos de história, consagrou-se como referência no país e é hoje reconhecido pelo Ministério da Saúde como Centro de Referência Nacional da Saúde da Criança.

Para mais informações, acesse http://www.icr.usp.br/ .

Instituto de Medicina Física e Reabilitação (IMREA)

O Instituto de Medicina Física e Reabilitação foi inaugurado em 1975 e atende pessoas com deficiência física ou doenças potencialmente incapacitantes. O IMREA tem como objetivo realizar o programa integral de reabilitação médica, orientar e aconselhar profissionalmente e também atingir a valorização física e social da reabilitação.

Para mais informações, acesse http://www.reabilitahc.usp.br/unidades.php .

Instituto de Ortopedia e Traumatologia (IOT)

Inaugurado em 1953 com a função de receber os casos de Poliomielite Anterior Aguda, em fase epidêmica na cidade de São Paulo na época, o Instituto de Ortopedia e Traumatologia está atualmente entre os maiores hospitais de Ortopedia e Traumatologia da América Latina e entre os principais Centros de Pesquisa do Brasil.

Para mais informações, acesse http://www.iothcfmusp.com.br/ .

Instituto de Psiquiatria (IPq)

Inaugurado em 1952, o Instituto de Psiquiatria é pioneiro na criação de programas e serviços especializados, abrangendo todos os transtornos psiquiátricos, nas diferentes fases da vida. O IPq conta também com a única unidade de internação do país especializada em crianças, com serviço de neurocirurgia funcional e uma Unidade de Terapia Intensiva e que é referência brasileira na área.

Para mais informações, acesse http://www.ipqhc.org.br/ .

Instituto de Radiologia (InRad)

Inaugurado em 1994, o Instituto de Radiologia é um centro de excelência nacional e internacional, com pioneirismo tecnológico em diagnóstico por imagem e tratamento oncológico. Foi a primeira instituição da América Latina a aplicar as técnicas de Medicina Nuclear e a primeira da América do Sul a dispor de equipamento de braquiterapia de alta taxa de dose.

Para mais informações, acesse http://www.inrad.hcnet.usp.br/inrad/ .

Hospital Auxiliar de Cotoxó

Atua como hospital de retaguarda, prestando assistência médico-hospitalar especializada em cuidados intermediários a pacientes transferidos do Instituto do Coração, Instituto da Criança e do Instituto Central. Funciona também como Escola de Administração em Saúde e serve de campo de ensino e pesquisa em administração hospitalar.

Para mais informações, acesse http://www.hcnet.usp.br/haux/hac/ .

Hospital Auxiliar de Suzano

Atua como retaguarda dos diversos institutos do Sistema HCFMUSP e presta assistência médico-hospitalar especializada em cuidados a pacientes de longa permanência do Hospital das Clínicas.

Para mais informações, acesse http://www.hcnet.usp.br/haux/has/ .

Escola de Educação Permanente (EEP)

É um centro educacional que visa promover educação para profissionais da saúde e educação em saúde para a comunidade geral, nos modelos:

  • Técnico: nas categorias profissionalizantes e de formação inicial continuada;
  • Superior: nas áreas de difusão, atualização, aperfeiçoamento, especialização e aprimoramento profissional.

Para mais informações, acesse
http://hcfmusp.org.br/eep/portal/#&panel1-2&panel2-4&panel3-4&panel4-2 .