Notícias


No Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HCFMUSP), a recuperação e a alta dos pacientes são comemoradas e registradas por uma equipe de voluntários coordenada pelo Núcleo Técnico e Científico de Humanização (NTH), o chamado Time de Alta. Trata-se de um grupo formado por colaboradores, estudantes da FMUSP e voluntários de várias outras escolas e locais que acompanham o momento da alta do paciente do Instituto Central do HCFMUSP.

Por meio de fotografia e vídeo, o Time de Alta registra a despedida entre o paciente e a equipe de saúde na unidade de internação e filma um breve depoimento do paciente que relata a experiência vivida, como parte da memória do hospital na sua longa história de assistência à saúde. Nesse momento, o paciente recebe um “Certificado de Bravura”, símbolo do esforço de toda a linha de frente do hospital. 

Em um mês de ação, o Time acompanhou 150 altas de pacientes, inclusive a de número 2.000. Os depoimentos podem ser conferidos na seção Histórias Inspiradoras do HCFMUSP, um rico acervo audiovisual que documenta o resultado do trabalho e dedicação das equipes assistenciais de saúde e as experiências dos pacientes. 

“Todo profissional da saúde espera um dia ver seu paciente bem, recuperado e contente. No cuidado a pacientes com Covid-19, esse desejo se reforça no fato de que profissionais da saúde e pacientes estão juntos na luta contra esse mal que abateu a sociedade no mundo inteiro. Nesse sentido, cada alta é celebrada como uma conquista de todos nós contra a pandemia”, diz a Profa. Izabel Cristina Rios, do Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho da FMUSP e Coordenadora do NTH.




Time de Alta

Foto: Eduardo Sato