Notícias

O Primeiro Summit do Programa Saúde Digital apresentou os avanços da iniciativa e as projeções do projeto para 2022. O evento aconteceu na manhã do dia 13 de dezembro, no auditório do Instituto de Radiologia (InRad) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP) e também contou com transmissão online para todo o Complexo.

O Superintendente do HCFMUSP, Antonio José Rodrigues Pereira, fez a abertura do evento.“Mais uma vez o Hospital das Clínicas quebra paradigmas. Tenho certeza que os resultados apresentados são de grande valia para demonstrar o que tem sido feito no Programa Saúde Digital. Os números são significativos pensando na jornada do paciente. Parabenizo a todos envolvidos no projeto”.

Os principais avanços da iniciativa em 2021 foram apresentados pelo Presidente do Conselho Diretor do InRad e Presidente do Inova HC, Prof. Dr. Giovanni Guido Cerri. “Fico contente ao observar como o Programa Saúde Digital conseguiu fazer progresso em tão pouco tempo. Trazer esse projeto para o HCFMUSP foi um desafio grande, não imaginávamos a proporção que o programa iria ter. Ao final será o mecanismo mais transformador da saúde nessa próxima década”, ressaltou.

O Prof. Titular da Disciplina de Pneumologia da FMUSP e Diretor da Divisão de Pneumologia do InCor, Prof. Dr. Carlos Roberto Ribeiro de Carvalho, discorreu sobre os resultados dos workshops de teleconsulta e elencou as perspectivas para 2022. “O Hospital das Clínicas vai se transformar em uma liderança em saúde digital. Para isso, precisamos investir em infraestrutura, constantemente. Os Institutos vão precisar de infraestrutura adequada e pessoas treinadas. É fundamental que haja parcerias públicas e privadas, que o paciente seja colocado no centro e seja visto de forma integrada. Pretendemos manter as ações realizadas em 2021. A jornada do paciente é um desafio que vamos ter que desenvolver no ano que se inicia”, destaca.

Continue a leitura em: https://hconline.hc.fm.usp.br/n770_2021.htm